13 dicas para evitar que sua casa seja assaltada durante as férias

0
482

Além de todos os detalhes para se organizar uma viagem de férias, existe também a preocupação ao que fazer em relação à segurança da casa, que ficará alguns dias vazia.

Vai viajar? Confira essas dicas para não ter a casa assaltada nas férias

– O melhor seria não deixar a casa sozinha, mas se isso não for possível, peça a um vizinho ou parente visitar diariamente o imóvel.

– Não passe informações da sua viagem (local, data de saída e data de chegada) para estranhos ou serviçais.

– Se possível, peça para uma pessoa de sua confiança recolher as correspondências, jornais e até os dejetos de cachorro se houver, verificar movimentos estranhos de pessoas rondando a residência.

– Não deixe as luzes acesas durante o dia, pois isso significa ausência de moradores.

– Se possível, instale um aparelho de fotocélula para acender e apagar as luzes externas à noite e de dia, respectivamente.

– Deixe algum telefone de contato com um vizinho, parente ou amigo, para informarem alguma ocorrência.

– Se possível, instale um sistema de monitoramento de alarme e imagens, contratando uma empresa especializada em segurança eletrônica.

– É aconselhável que poucas pessoas saibam do sistema de segurança de sua casa.

– Em condomínios fechados ou edifícios não deixe as chaves na portaria.

– Um condomínio deve respeitar as regras de segurança e acesso.

– Mantenha sempre atualizada a lista de pessoas autorizadas a acessar o condomínio com destino a sua residência. Seja específica quanto aos dias que algum empregado ou visitante está autorizado a entrar e os dias em que não está. Mencione se empregados ou visitantes podem ou não acessar o condomínio acompanhados.

– Não entregue aos empregados todas as chaves da casa, disponibilize apenas aquelas necessárias para seu ingresso, se possível de portas com mais de uma fechadura para que você possa trancar a casa mesmo que algum empregado possua alguma chave.

– Evite guardar grandes quantias em dinheiro em sua casa. Prefira fazer seguro deles e confiar sua custódia a cofres particulares de agências bancárias. Se preferir usar cofres de segurança em sua casa, guarde sigilo quanto a sua existência e localização. Sempre que possível instale mais de um, um deles fora de seus aposentos particulares.

 

Published in Segurança